foto de carros no trânsito

Recentemente abordamos aqui, no blog da FreteFast, as principais mudanças trazidas pela nova lei de trânsito no Brasil.

Como a segurança é um fator primordial dos nossos valores como startup, compartilharemos agora 11 dicas muito importantes para que você evite acidentes, principalmente se for um dos nossos entregadores parceiros que, diariamente, dirigem pelas avenidas e ruas das grandes cidades.

Dessa forma, algumas medidas simples podem ser determinantes para salvar tanto a sua vida quanto a dos demais condutores e pedestres que dividem a via com você. Vamos às dicas:

Respeite a legislação

Respeitar o Código de Trânsito Brasileiro (CTB) é imprescindível. As regras de trânsito foram criadas com o objetivo de garantir a segurança e um trânsito harmonioso. Quando isso não ocorre é porque o CTB deixou de ser respeitado, por isso, é fundamental conhecê-lo e aplicá-lo.

Faça a manutenção do veículo

Colocar em dia a manutenção do veículo é outra medida muito eficaz no sentido de garantir a segurança no trânsito, evitar acidentes e preservar a vida útil do seu meio de transporte. É que o mau funcionamento de componentes da embreagem, correntes e freios, por exemplo, pode ocasionar colisões de alta gravidade nas avenidas e ruas. Lembrando sempre que um entregador consciente no trânsito pratica a direção defensiva, respeita as normas estabelecidas na legislação e sempre coloca a vida em primeiro lugar.

Utilize os equipamentos de segurança

Equipamentos como cinto de segurança, capacete, vestimentas resistentes e calçados adequados são capazes de tornar os condutores menos vulneráveis em casos de acidentes, muitas vezes minimizando impactos, além de evitar as sempre indesejáveis multas. Utilizá-los, portanto, é vital.

Evite o uso de telefone celular

Segunda maior causa de sinistros do Brasil, de acordo com dados da Associação Brasileira de Medicina do Tráfego (Abramet), o uso de telefone celular no trânsito é considerado infração gravíssima, resultando em multa de R$ 293,47 e perda de até sete pontos na Carteira Nacional de Habilitação (CNH). Para quem faz entregas de mercadorias, a utilização do smartphone deve ser restrita ao acompanhamento da rota pelo GPS, o que deve ser feito com a fixação do aparelho em suporte acoplado no veículo, ao invés das mãos ou do colo.

Mantenha a distância mínima

Manter a distância mínima dos demais veículos é uma medida relevante de direção defensiva, uma vez que esperar que os outros motoristas tenham cautela torna-se arriscado. Ao respeitar o distanciamento você contribui para propiciar mais tempo de reação em situações de risco e maior espaço para possíveis manobras.

pessoa usando cinto de segurança

Sabia que manter a postura correta enquanto dirige, além de evitar acidentes, também auxilia nos cuidados à saúde?/Foto: Sam Rudkin-Millichamp/Unsplash

Sinalize corretamente

O uso correto da sinalização também contribui para assegurar mais segurança no trânsito. Utilizar o pisca-alerta quando a situação exigir, dar seta antes de realizar uma conversão e atentar-se aos faróis são alguns exemplos nesse sentido. Para evitar que alguém seja pego(a) desavisado(a), é igualmente relevante, além de sinalizar, demonstrar atenção aos sinais transmitidos pelos demais condutores.

Atente-se aos limites de velocidade

Muitos acidentes poderiam ser evitados se os limites de velocidades das vias fossem respeitados. Por isso, é de fundamental importância se atentar ao que está determinado antes de pisar no acelerador. Observar ao máximo retrovisores, cruzamentos e faróis também é indispensável para evitar as colisões com outros veículos, pedestres e ciclistas.

Redobre os cuidados em dias de neblina e chuva

Situações relacionadas ao clima, tais como: neblina, chuva e granizo costumam interferir na visão dos condutores, o que requer, por si só, atenção redobrada. Nesses casos, reduzir a velocidade e aumentar os cuidados referentes à sinalização são iniciativas que costumam auxiliar os motoristas.

entregador em uma bicicleta

Gentileza gera gentileza/Foto: JavyGo/Unsplash

Conserve a postura correta

Você sabia que manter a postura correta enquanto dirige, além de evitar acidentes, também auxilia nos cuidados à saúde? Para isso, a coluna deve estar sempre ereta. Já os ombros e braços precisam estar relaxados para facilitar os movimentos e manobras, bem como as mãos e os cotovelos têm a necessidade de ficar alinhados, principalmente no caso dos motociclistas. Os pés, por sua vez, não devem ficar com calçados inapropriados e distantes dos pedais.

Certifique-se de que há combustível

Embora seja uma medida básica, tem muita gente que esquece de se certificar se há combustível antes de sair de casa ou da empresa. Isso acaba provocando a chamada “pane seca”, que também é uma infração prevista no CTB. Além disso, o problema representa um risco à segurança, uma vez que o veículo pode ter que parar, abruptamente, no meio da rua.

Dissemine a gentileza

Já dizia o profeta: “Gentileza gera gentileza”. Por mais desafiador que seja ignorar a falta de respeito – infelizmente algo muito comum no trânsito -, retribuir com grosserias é sempre uma atitude arriscada. Nessas horas, o ideal é procurar manter a calma e solucionar o problema de modo pacífico. Mais do que isso, ser gentil no trânsito significa respeitar demais veículos, pedestres e ciclistas, contribuindo para que a convivência nas estradas, avenidas e ruas seja, cada vez mais, harmoniosa, ao invés de conflituosa.

 

Outros posts

Entregadores de aplicativo: dicas para uma entrega perfeita

Você presta serviço como entregador(a) de aplicativo? Caso sim, é muito importante se atentar a alguns pontos para estar sempre em busca da entrega perfeita, aquela que recebe a melhor avaliação possível dos clientes.  Uma entrega perfeita deve ser sempre o objetivo...